Ex dirigente do Barcelona fala sobre possível retorno de Neymar

Ex vice-presidente fala sobre o retorno do craque brasileiro; muito benéfico do ponto de vista esportivo

Alguns meses após pedir demissão do cargo de vice-presidente do Barcelona, Jordi Mestre, concedeu uma entrevista com exclusividade ao “Mundo Deportivo em que falou alguns pontos sobre a possível volta de Neymar ao Barcelona. O ex comandante ocupava o cargo desde 2015, até o meio do ano de 2019, Jordi presenciou e pode ver o crescimento do craque brasileiro com o grupo que já era liderado por Messi, mas pode ver também sua polêmica saída do clube, falou sobre alguns bastidores do atleta e se voltaria a contratá-lo.

 

Do ponto de vista emocional, da forma como ele saiu, não o contraria de novo. Mas do ponto de vista esportivo, sim. Se Neymar voltasse, ele teria que fazer um ato de contrição, retirar a ação contra o clube, pedir desculpas, assumir seus erros e levar uma vida quase monástica.

Um pouco do que fazia o temido trio MSN:

O arrependimento de Neymar

Apesar de toda a polêmica em volta da saída do atacante, Jordi Mestre disse que assim que Neymar saiu do Barça, o arrependimento foi nítido.

– Ninguém sabia que ele iria embora, pois ele não contou para ninguém do clube. Logo depois ele chorou de arrependimento e nos enviou seu desejo de retornar.

Leia também: Clima pesado! Segundo jornal, Cristiano Ronaldo, estaria insatisfeito na Juve

Ex VP do Barcelona falou sobre a demissão de Ernesto

O ex vice-presidente de esportes do Barça comentou também sobre assuntos mais recentes que aconteceram no gigante da Espanha, como a saída de Valverde, em que fez críticas a precipitada demissão do treinador. Sobre a contração de Quique Setién, esse nome já agradava internamente o Barcelona desde a vitória do Betis dentro do Camp Nou por 4 a 3, disse Jordi.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

error: O conteúdo está protegido !!